sexta-feira, 9 de julho de 2010

A lei da vida


Finalmente me encontrei. Encontrei a pessoa que vive dentro de mim, que clama pela vida, e que quer apenas ser feliz. Sei que a vida é feita por apenas momentos de felicidades e que é impossível ser feliz para sempre. Com a vida eu também vou ter que chorar, sofrer e aprender viver. Vou precisar de forças pra me levantar depois de um tombo, pra me reerguer de uma decepção e pra lidar com as indiferenças. As pessoas falsas sempre vão estar ao meu redor, até porque elas estão em toda parte e comigo não vai ser diferente. Vou precisar lidar com isso também, aprender que as pessoas não são tão boazinhas como nos contos de fadas. Estou na vida real. Uma vida onde todos querem um pouco mais de dinheiro. Onde melhores amigos brigam por uma vaga de emprego. Onde não podemos esperar nada de ninguém. Uma vida que não podemos nos deixar iludir. Pois a verdade é que infelizmente, as pessoas preferem lutar pelo o seu bem e não estão nem aí para os outros. Amigos verdadeiros são poucos, para alguns, isso nem existe. O certo é que a vida é um vai e vem. Onde quando mal esperamos, as coisas acontecem e pessoas aparecem. E ainda tem aquelas que preferem sumir, sem ao menos se despedir. É impossível conseguir descrever tudo que pode acontecer. É impossível acreditar que na verdade estamos sozinhos nesse mundo. Porque ainda, a maioria de nós tem amigos, pais ou alguém que possamos contar. Mas a verdade é que sempre estamos a nos enganar e na vida as coisas sempre estão a mudar. Essa é a lei, e somos obrigados a cumpri-la.

2 comentários:

brenda santos disse...

É vc tem razão infelizmente tudo muda e só,os obrigadas a viver e nós acustumar com todas as mudanças né?
beijos

Júlia disse...

Adorei esse post, vivo "filosofando" sobre esse tipo de coisa, e tbm cheguei à conclusão de que estamos sozinhos. Beijos!

Júlia G.